Prescrições potencialmente inapropriadas nos idosos: fonte de outcomes adversos? – Notas de Evidentia #162019

Por Joana Pinto Pereira

Pergunta clínica:

Serão as prescrições potencialmente inapropriadas nos idosos em cuidados de saúde primários fonte de outcomes adversos?

A reter:

As PPI aumentam os outcomes adversos em saúde na população geriátrica dos CSP – episódios de urgência, RAMs, declínio funcional, QoL e hospitalizações. Não foi encontrada associação significativa com a mortalidade. Os CSP devem intervir para a redução das PPI. São necessários mais estudos que abordem as PPI especificamente ao nível dos CSP.

Porque é que é importante?

As prescrições potencialmente inapropriadas (PPI) na população geriátrica são frequentes. Várias revisões associam as PPI nos idosos com a diminuição da qualidade de vida (QoL), aumento de reações adversas medicamentosas (RAMs), hospitalizações, custos em saúde e mortalidade. No entanto, muitos destes estudos baseiam-se em populações heterogéneas, incluindo cuidados de saúde terciários e residências de idosos, os quais apresentam características distintas da população em ambiente de cuidados de saúde primários (CSP).

O que fizeram:

Os autores realizaram uma revisão sistemática com meta-análise com o objetivo de  clarificar os efeitos adversos das PPI na população idosa nos CSP.

Quem pagou?

Singapure Ministry of Health’s National Medical Research Council

O que concluem/ recomendam:

Os estudos que usaram a classificação Beers encontraram uma associação significativa das PPI com o aumento das hospitalizações e com o declínio funcional. Quanto aos que utilizaram os critérios STOPP, associaram as PPI ao aumento do número de episódios de urgência, RAMs, declínio funcional, QoL e hospitalizações. Não foi encontrada associação significativa com a mortalidade podendo, segundo os autores, atribuir-se ao desenho dos estudos considerados e à inclusão de doentes potencialmente com menos comorbilidades. Cabe aos CSP intervir para reduzir as PPI, otimizando assim os outcomes dos doentes. Estas intervenções devem ocorrer tanto a nível organizacional como profissional. É ainda necessária mais pesquisa para avaliar melhor a repercussão clínica das PPI. Estudos futuros deverão considerar integrar “novos utilizadores” – doentes que tenha iniciado PPI, ao invés da típica abordagem pelo desenho do “utilizador prevalente” que considera a PPI independentemente do tempo decorrido desde o seu início.

Qual a nossa análise:

Apesar do baixo número de estudos incluídos nesta meta-análise, estes têm coortes com grande número de participantes, com amostras representativas da população idosa dos CSP e com baixo risco de viés. A maioria das estimativas apresentava uma baixa heterogeneidade, sugerindo uma elevada consistência entre resultados. Todas as associações encontradas com as PPI obtiveram uma classificação GRADE Low, à exceção da QoL, com classificação Very Low, devido à heterogeneidade nas escalas utilizadas nos diferentes estudos. Os diferentes fármacos considerados em cada um dos instrumentos de avaliação (Beers e STOPP) podem ter condicionado variações nas magnitudes das estimativas.

Referência bibliográfica:

Liew, Tau Ming, et al. «Potentially Inappropriate Prescribing Among Older Persons: A Meta-Analysis of Observational Studies». The Annals of Family Medicine, vol. 17, n. 3, Maio de 2019, pp. 257–66. DOI.org (Crossref), doi:10.1370/afm.2373.

http://www.annfammed.org/content/17/3/257.short?rss=1

Anúncios

One thought on “Prescrições potencialmente inapropriadas nos idosos: fonte de outcomes adversos? – Notas de Evidentia #162019

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

Create a website or blog at WordPress.com

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: